• Pitter Lopes

Operador de Caixa: 5 dicas para otimizar o seu atendimento.



O operador de caixa é um profissional extremante importante para o processo de recebimento da empresa e por isso toda atenção dedicada a este profissional é pouca.


Não adianta ter uma loja organizada, com técnicas de merchadising, se o caixa não apresenta um profissional cortês, ágil e prestativo. Não concorda?


Segue essa leitura com atenção pois vamos dar algumas dicas simples e práticas para deixar o operador mais eficiente em seus atendimentos.


Personalizar o atendimento é condição para que você e sua empresa possam diferenciar-se da concorrência. Fornecer exatamente o que desejam os clientes,
mas de maneira destacada do que faz o mercado estabelece uma política de preços vantajosas.
Otávio Bentes, livro: Atendimento ao Cliente, editora

Dica 1: Invista em treinamento


Os profissionais que operam o caixa são responsáveis pelas fidelização dos cliente.

Isso ocorre pelo fato deles estarem localizados em frente a entrada e saída do estabelecimento.


É natural que eles se relacionem diretamente com os clientes.

Por serem os colaboradores que ficam localizados bem em frente à entrada e saída da

Logo, é interessante planejar treinamentos com base em interações com os clientes.


Além do mais é indispensável instruir o operador de caixa quanto as informações importante sobre a empresa: principais ofertas do dia, produtos oferecidos e a história da loja são informações que o operador de caixa deve ter consigo.


Outro detalhe importante é incorporar ao operador de caixa o quanto é importante ser cordial com os clientes, cumprimentando-os, sendo simpáticos e tratando-os bem para que eles tenham uma experiência de compra positiva.


Mas não devemos desconsiderar o aspecto humano. Afinal, os operadores de caixa pode ter seus dias ruins, e se sentirem desmotivados.


Pensando nisso, oferecer um ambiente agradável e motivador é fator decisório para o sucesso da empresa.


Por isso a nossa próxima dica é oferecer um ambiente agradável e motivador.

No entanto, devemos considerar o aspecto humano. Afinal, os trabalhadores também podem ter dias ruins e se sentirem desmotivados.





Ofereça um ambiente agradável e funcional aos operadores de caixa


Vamos levar em consideração que o operador de caixa permanece na empresa 8 horas do seu dia, ou seja, não é uma situação agradável em grande parte da rotina do profissional e isso de algum modo interfere no desempenho de cada um.


É difícil ser simpático ou dar o máximo de si na função quando está cansado mental e fisicamente.


É papel do varejista criar condições favoráveis e que dê boas condições para os colaboradores.


Deve se preocupar sempre com a qualidade de tempo e que os operadores de caixa se sintam confortáveis durante o expediente.


Boas condições de trabalho consiste em proporcionar um espaço limpo e climatizado, banheiros bem localizados, locais específicos para lazer, descanso e refeitórios adequados.


Dica 2: Motive seus colaboradores (e encante seus clientes)


Motivar seus funcionários resulta num melhor ambiente de trabalho e isso por si só resulta num melhor atendimento, e que por fim, resulta em fidelização dos clientes.


Veja 10 dicas para motivar seus operadores de caixas


  • Reconhecimento profissional;

  • Aprendizado e desenvolvimento de carreira;

  • Equilíbrio entre vida pessoal e trabalho;

  • Relacionamento com superiores;

  • Bom relacionamento com colegas;

  • Valores da empresa;

  • Estabilidade financeira da empresa;

  • Oportunidade para liderar e assumir responsabilidade;

  • Reputação do empregador;

  • Atividade profissional interessante.


Dica 3: Crie o Hábito de ter hecklist antes de abrir a loja


Ter tarefas agendadas, programadas, organizadas evita perda de tempo, agiliza processos e minimiza erros.


Por isso checar as condições de trabalho antes do início das atividades evita ocorrências de desgastes no decorrer do dia.


São procedimentos simples, e a simplicidade sempre resulta em resultados positivos a longo prazo.


Peça, por exemplo, para a equipe testar o sistema e as máquinas para pagamento em cartão de crédito e débito, verificar a existência de troco e se existe alguma pendência que pode atrapalhar o serviço.


Dica 4: Faça a emissão correta dos documentos fiscais


Todas empresas que comercializam mercadorias devem, por lei, obrigatriamente emitir nota fiscal.


Caso a empresa descumpra essa determinação legal estará sujeita a penalização e multas.


Confira nosso artigo sobre NFe- Tudo que você precisa saber.


Dica 51: Invista em um bom software


É indispensável que você ofereça ao seu funcionário de caixa um software simples, eficiente e que atenda todas necessidades da sua empresa: deste estoque a emissão de nota fiscal.


Estamos conectados pela internet, as informações chegam rapidamente aos destinatários.


Aparelhos telefônicos modernos, computadores e todos itens inteligentes que você tem acesso ao seu dia a dia usam software e, ainda diversos softwares.


Deixar de ter um bom software de gestão comercial na sua empresa é definitivamente pedir pra falir.


Carecer de dados da empresa como vendas por horas, produtos que mais vendem, horários de pico, emissão de notas só fazem com que sua empresa perca competitividade no mercado e não invista onde deve ser evitado.


Ter um Software de Gestão Comercial é ganhar tempo e competitividade no mercado.


O ambiente do caixa é extremamente importante para a sua empresa, você precisa prestar muita atenção a esse profissional.


E aí, gostou deste artigo? Conte-nos nos comentários e compartilhe este artigo com algum amigo.



90 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo